Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Jardim das Delícias



Quarta-feira, 05.01.22

Chuva densa em tardes de chumbo - Adão Cruz

a noite fez-se para amar 1a.jpg

Adão Cruz  Chuva densa em tardes de chumbo

EVA.jpg

 

Bate a chuva densa
na face fria colada ao vidro da janela
nas tardes de chumbo
e as gaivotas de pedra e cal
em cima dos telhados
são cordas de lágrimas
correndo nos vidros embaciados.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Augusta Clara às 04:03



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • lucindaduarte

    Muito interessante este texto do Raul Brandão. Que...

  • Augusta Clara

    Desculpe, mas isto é demasiado grande para ser o c...

  • frar

    ESTÃO REALMENTE INTERESSADOS EM PAZ?!?!?-1- CONDEN...

  • Maria Ramos

    A casa da Libaninha não seria a casa que o Zé Pire...

  • Anónimo

    Estou agora a estudar este poema e estou a a adora


Links

Artes, Letras e Ciências

Culinária

Editoras

Filmes

Jornais e Revistas

Política e Sociedade

Revistas e suplementos literários e científicos